Table Partners

Consultoria de estratégia e liderança

Um plano, dois times, muito foco

O general partner de um fundo de Private Equity ou Venture Capital, assim como o executivo que representa sua empresa numa joint-venture, talvez sejam os profissionais que mais apliquem um dos conceitos favoritos da TABLE PARTNERS (e de Michel Jordan):

Talento ganha jogos, trabalho em equipe ganha campeonatos

  • Suas carreiras e remuneração costumam estar vinculadas ao sucesso do negócio — atingimento das metas de crescimento, retorno etc. Por isso, sua supervisão do trabalho do CEO e sua equipe é bastante minuciosa e assídua.
    • É comum que as reuniões do Conselho sejam mensais
    • A agenda mergulha diretamente na discussão do material distribuído antecipadamente
    • Questionamento e instruções diretas ao time de gestão são usuais, principalmente em comparação com outros tipos de conselhos — o Conselho é o “técnico” do management team
  • É, portanto, crítico para o Investidor que o time de gestão funcione e tenha uma alta performance. CEOs e diretorias que não funcionam são o pesadelo do Investidor.
  • Por outro lado, conflitos (ou potenciais conflitos) entre blocos de investidores/acionistas são um tema recorrente e a dinâmica política pode ser intensa no Conselho. Conduzida de forma inábil, essa dinâmica pode prejudicar o negócio ou, em casos extremos, arruiná-lo.

O Investidor necessita, portanto, de uma ampla gama de talentos e experiências, para desempenhar com sucesso o seu papel de membro do time do Conselho e “técnico” do time de gestão.

Como a TABLE PARTNERS pode ajudar

A TABLE PARTNERS participa do esforço de promover Conselhos e Diretorias que funcionam como times de alta performance:

A TABLE PARTNERS ajuda CONSELHOS a funcionarem como motores do sucesso de suas organizações.