Table Partners

Consultoria de estratégia e liderança

Meu amigo de pós adolescência

Como deve acontecer com muitos dos que me lêem, se é que muitos me lêem, tive amigos dos quais perdi contato. Os motivos do distanciamento são tantos que merecem a qualificação de aleatórios. Escrevo sobre um deles.

Ele foi goleiro do meu time de futebol e companheiro de uma banda de rock rural. Esta banda nos aproximou muito porque compúnhamos, fazíamos arranjos, ensaiávamos e nos apresentávamos juntos. Conheci os pais dele e eles os meus. Bastante. Ele era mais pobre que eu, não estudou em nenhuma faculdade excepcional e, fora ser bom músico e goleiro e excelente pessoa, não chamava atenção para nada de muito fora da curva normal. Aleatoriamente sumimos da vida um do outro.

Voltei a saber dele anos depois como CEO de uma empresa importantíssima, dando entrevistas para a imprensa, citado diversas vezes como referência. Nosso reencontro pessoal se deu em um evento musical com Ênio Morricone e as recordações bateram forte. Marcamos um almoço.

Neste almoço fiz uma pergunta. Pedi que ele definisse com uma única palavra a explicação de seu sucesso profissional. Ele pensou um pouco e pediu que fossem utilizadas duas palavras. Resisti um pouco para zoar e em busca de uma síntese. Ele disse que a palavra era dupla, mas era um conceito apenas. Aceitei que a definição contasse com duas palavras. As palavras: team work.

Provoquei: o que dizer sobre os chavões de ter um sonho e ir atrás dele? Ele riu e ironizou lembrando que, se ainda tivéssemos vinte anos, talvez a resposta fosse esta.

E trabalhar duro? Disse que nunca fez isto e que inclusive, em uma daquelas crises econômicas nas quais o Brasil foi pródigo, há não muito tempo, pediu à matriz da multinacional na qual ele era CEO que se suprimisse um dia da semana. Contou que ainda estuda harmonia musical, ainda é goleiro de um time de veteranos que viaja Brasil afora desafiando outros velhinhos resistentes.

Um sujeito sem pressão familiar para ser topo de pirâmide, com formação acadêmica regular, um sucesso profissional formidável e duas palavras: team work. Duas palavras que a rigor é uma só: time.

Como aquele no qual ele é goleiro e como foi nossa humilde banda de rock rural.

Vote neste artigoVote neste artigoVote neste artigoVote neste artigoVote neste artigo
Loading...